Sergio Mendes – Canto Triste

Porque sempre foste
A primavera em minha vida
Volta pra mim
Desponta novamente no meu canto
Eu te amo tanto mais
Te quero tanto mais
Ha quanto tempo faz partiste

Como a primavera
Que tambem te viu partir
Sem um adeus sequer
E nada existe mais em minha vida
Como um carinho teu
Como um silencio teu
Lembro um sorriso teu tao triste

Ah, lua sem compaixao,
Sempre a vagar no ceu
Onde se esconde a minha bem-amada
Onde a minha namorada
Vai e diz a ela
As minhas penas e que eu peco

Peco apenas que ela lembre
As nossas horas de poesia
Das noites de paixao
E diz-lhe da saudade
Em que me viste
Que estou sozinho
E so existe
Meu canto triste

Updated: 22 February 2018 — 16:28

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *